segunda-feira, 25 de julho de 2016

Prevenir Doenças é Pensar em Saúde e Equilíbrio Físico, Mental, Espiritual

por Raquel Kussama e Dr. Francisco Vianna Oliveira Filho

Dois aspectos são importantes para que o profissional, seja proprietário ou executivo, mantenha-se saudável no mercado de trabalho / empresarial: Primeiro o cuidado (a prevenção ou o tratamento) e segundo pensar em saúde como o equilíbrio físico, mental e espiritual.
A visão da realização de exercícios físicos e da alimentação (nutrição) natural e biológica possível. É consenso mundial. Ambos os aspectos, são sem sombra de dúvida, excelentes colaboradores para se obter mais saúde e mais dinamismo em nossas atividades rotineiras, tanto no trabalho como no lazer. Infelizmente mesmo se dedicando a estes dois aspectos básicos, ainda fica a questão, do aparecimento de enfermidades crônicas e degenerativas. Este item vem aumentando ao longo dos anos, o que nos leva a refletir qual o elo perdido que deveria ser adicionado ao binômio movimento e alimentação.
O estresse aliado ao desenfreado desenvolvimento tecnológico, interferem na tríade corpo-alma-espírito. Entre estes encontramos o invencível desequilíbrio ambiental, a toxicidade ingerida e respirada cada vez mais abundante, e principalmente o desvio da sociedade em si para atitudes mais e mais egoístas, desprezando o benefício da harmonia social, invertendo os valores éticos e humanos a favor do viver até extenuar-se. Desta forma diminui as defesas, desde o nível psíquico emocional até o nível físico celular e biomolecular, pressionado assim o sistema de adaptação de forma indiscutivelmente nociva.
Para adquirir mais saúde é imperativo considerar a unidade do organismo, numa visão transformadora em que a ciência psico-neuro-endócrino-imunologia, demonstra que tudo que sentimos e sofremos, abrange o nível psíquico e alcança o nível mais profundo corporal, minando as defesas imunológicas e causando o desequilíbrio nos mecanismos de regulação fina de nosso organismo. Isto acarreta sobrecarga, que leva a deficiência emocional e fisiológica.
Atualmente existe uma medicina de acordo com a vida, em que notamos que as enfermidades crônicas e degenerativas, sofrem o processo de cura, a partir de uma avaliação integral e unificada.
A medicina de acordo com a vida, é buscar na natureza e nos processos naturais, o caminho correto para uma cura duradoura, e sem esquecer da tecnologia baseada também nos processos naturais (biofísica aplicada a saúde), num processo aonde a evolução tanto do pensamento humano como de sua natureza espiritual se leve em consideração.
No ambiente corporativo os resultados esperados pelos profissionais são obtidos pelo equilíbrio.
As competências: técnica, comportamental, emocional e humana/espiritual são o alicerce do sucesso do profissional. Mas a partir de agora teremos que superar; a competência de transcendência se faz presente. Isso exige sabedoria e ponderação.
Sabedoria é ter conhecimento para agir corretamente. Saiba acertar. Saiba pensar. Saiba realizar. Ser assertivo é agir corretamente na hora certa.
Lamentar, tenta fazer de novo várias vezes faz a pessoa ficar atrasada. O mundo precisa de sucesso, de felicidade e somente os sábios terão os melhores resultados.
Caminhamos numa velocidade assustadora e, o tempo escasso só nos permite agir corretamente e ainda temos o desafio de transcender.
Transcender (overtop) é ser superior, é ultrapassar o limite, é metafísica. No dia a dia, ações de transcendência serão vistas pelo bom enfrentamento na falta de água, de luz contrapondo a manutenção do clima saudável na empresa, no condomínio, no lar.
Para isso, temos que estar preparados espiritualmente para relevar enquanto ser humano. Temos que estar preparados no emocional, evitando o estresse de querer e, ser impossível ter (temporariamente) que seja. É saber controlar a ansiedade para que o tempo ocorra no tempo dele. O seu, o nosso terá que aguardar. Temos que estar preparados no comportamento, pois teremos que manter a boa postura pessoal e profissional para agir com respeito a todos. Temos que estar preparados, no técnico, pois é o conhecimento adquirido, a maturidade pessoal e profissional, que irá realizar ações corretas.
A tomada decisão, o planejamento e replanejamento serão executados em um tempo menor e com maior velocidade de ação.
Raquel Kussama, estrategista de pessoas & negócios, 30 anos atuando em gestão de pessoas, empresarial e de negócios. Autora do LPC®. Coautora dos livros: Mapa da Vida, Capítulo A arte da superação é um exercício de pensar e sentir e sempre viver!, editora Ser Mais, 2016; Estratégias Empresarias, Capítulo Estratégia do Comportamento Humano, editora Ser Mais, 2015; O Despertar da Consciência Ética, Capítulo Ética no Trabalho, editora Loyola, 2010.

Dr. Francisco Vianna Oliveira Filho, Geriatra preventiva e medicina regenerativa. Biofísica aplicada a medicina, Homeopata e medicina biológica. CRM 41823.